Foi uma pena cê ter demorado tanto

Quando ouço pessoas falando que o tempo cura tudo, dou um sorriso imenso. É que eu lembro como isso não fazia sentido na minha cabeça no início, e o quanto fez diferença para chegar até onde cheguei. Eu tirei você do meu coração, da minha vida, dos meus pensamentos, graças ao tempo. O tempo que eu esperei pacientemente passar.

Foi difícil conseguir imaginar como seria dali pra frente. Sem ter seus abraços nas noites frias, sem acordar ao seu lado e com o seu sorriso ao abrir os olhos e me ver. Sem correr para o whatsapp e te dar um ‘bom dia, amor’, todos os dias. Sem esperar seu boa noite ansiosa antes de dormir. Sem esperar os finais de semana para poder passar o dia todo com você. Foi difícil imaginar como seria sem você dali pra frente, é que desde que eu te conheci, não via sentido em um mundo no qual você não fizesse parte.

Eu lembro do que te disse antes de partir: “Eu vou esperar essa fase passar e vou estar aqui quando você voltar.”.

Passou um ano, você não voltou. E eu segui. Eu precisei seguir porque a dor de te esperar já não era mais suportável. E doeu. Doeu mais do que eu queria, doeu mais do que eu esperava. Doeu por muito tempo.

Mas passou.

Passou porque eu vi que enquanto te esperava sua vida continuou. Não havia mais motivo para eu continuar parada vivendo à espera de alguém que resolveu partir.

E eu aprendi, vivi, segui.

Nos primeiros meses, por mais feliz que estivesse, sempre que via algo seu, me entristecia. Cheguei a chorar muitas vezes. Nos primeiros meses eu ainda sentia sua falta mesmo que você não estivesse presente nunca. Eu não te via, mas você ainda estava em mim.

Até não estar mais.

Houve um dia em que não lembrava mais da sua voz, por mais que tentasse. Logo após, seu sorriso foi sumindo da minha memória e seu rosto foi se tornando uma foto em branco. Você foi sumindo aos poucos de mim, e quando percebi, tinha te esquecido por completo.

O mundo deu tantas voltas até eu conseguir me livrar de você.

E quando me livrei, você apareceu.

Apareceu dizendo que me amava, que queria voltar e que estava arrependido. Apareceu dizendo que só agora havia se dado conta do erro que cometeu e do quanto eu era importante e fazia falta. Apareceu dizendo estar com saudades. Saudades? Você demorou mesmo um ano para notar o quanto sentia saudades? Meu coração se alegrou por não ter se importado com suas palavras falsas. Ele estava completamente curado de você.

E de todas essas voltas, nunca imaginei que você reapareceria em uma delas. Eu te esperei por muito tempo, mas todo coração chega uma hora que cansa. Minha vida seguiu, eu mudei, eu notei que mereço ser feliz e não preciso de você para isso. Você foi importante, sim, mas acabou. Eu te dei uma chance, lembra? Eu disse que ia esperar você, mesmo que pensasse que jamais voltaria. Sinto muito não te querer mais, foi uma pena cê ter demorado tanto.

Libriana de 20 anos que mora na Bahia e transforma em palavras tudo o que sente. Quer me conhecer melhor? Vem ler meu blog: O que sinto em palavras.

Comments

comments

Talvez você goste de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *