Um texto para quando vocês terminarem

Hey, eu sei que esse momento deve tá sendo um pouco dolorido, que seu coração pode estar em pedaços, que o choro vem e não vai mais. Mas olha, confia em mim, eu te juro que passa. E quando passar tu vai se sentir tão vivo que tu nem vai lembrar que passou por tudo isso que estás passando agora.
Só tenha em mente, que todo mundo sofre e passa por isso, todos os dias, meu bem, e até a mais desapegada das pessoas desapegadas já derramou algumas lágrimas por alguém amado ter partido.

E uma coisa importante, que pode parecer difícil, mas é essencial para o seu bem, não sinta raiva, nem ódio e nem sinta mágoas, mas pode chorar. Chora, bota pra fora esse turbilhão de sentimentos que tá dentro de tu, libera toda essa tristeza e não sinta vergonha em chorar. Chorar é sim um ato de coragem, quando dizem que chorar é pros fracos, é tudo mentira, quem chora é forte, é uma pessoa corajosa de expor tanto o seu interior pro mundo. A gente aprende o tempo todo a não sentir, mas sinta, reme contra essa maré.

E se posso te dar uma dica, é que você desabafe. Com sua melhor amiga, melhor amigo, com seus primos, seus tios, seus pais, com você. Isso. Com você. Grave um áudio pra si. Se escute falando. Quando falamos e escutamos, dói menos, e eu te garanto que é um bom remédio para tentar sarar mais rápido, e lembre-se, o fim do amor não é quando a relação acaba, o fim já veio antes, mas virou mero detalhe em meio a sonho de filhos correndo pela casa e velhice juntos. O fim apenas caiu no comodismo, na rotina, e ficou só esperando a hora da saturação, da sentença final.

E põe uma coisa na tua cabeça: o passado não pode ser mudado, mas o presente já mudou a perspectiva que tinha do seu par. Percebe?

O futuro pode ter os mesmo sonhos que você já tinha antes, mas não mais com seu par do lado, talvez com o carinha que você vai olhar e ficar sábado na balada, talvez com aquela moça que você vai conhecer, próximo mês, num app qualquer de relacionamento, talvez seja até aquele seu amigo que sempre te quis e tu nunca percebeu ele além de amigo. Percebe, também, que as perspectivas mudam para o futuro?

Mas olha, se você não entendeu ou não quer perceber agora, não tem problema. Não se culpe, eu também já tive finais de relacionamentos e eu sei que o fim do amor deixa tudo confuso e bagunçado dentro da gente, mas olha, a primeira coisa que precisamos admitir, e para nós mesmos, é que acabou. Acabou acabado, com todas as letras e talvez até, com algumas palavras pesadas.
Temos que admitir que acabou e que não é pesadelo e nem pegadinha do Silvio Santos.

Era. Foi. Não é mais.

Em algum momento vai dar vontade de esmurrar a parede, de quebrar alguns vasos, e quando todo esse sentimento de fúria sair de cena, tua vida ficará um pouco mais leve, você vai planejar o próximo movimento, o próximo passo. Mas enquanto isso, sua vida ficará em modo suspenso.

Off-line.

E você ainda vai stalkear, vai ver as pessoas adicionadas e seguidas, e não se culpe por isso. Você vai sentir pavor só de imaginar a possibilidade de encontrar teu ex-par por cada esquina que passar e o medo vai fazer parte de ti, como aquele sorriso que você usa no rosto pra fingir estar tudo bem.

Você vai morrer um pouquinho vendo o sorriso dele perto do novo par e quando trocarem o status de ‘solteiro‘ para ‘relacionamento sério‘, vai pesquisar a fundo a vida do novo par do seu ex-par e vai perceber que ele tem capacidade de fazê-lo feliz. No fundo, bem no fundo do seu coração, você também ficará feliz em saber que ele encontrou alguém a tua altura pra te suceder.

E aí, vem a hora que chamo de “volta por cima”. Sim. Volta por cima. Esse é o momento em que você vai sair mais, que vai estar mais belo para si, que vai se amar mais. A sua lista de contato talvez aumente, assim como sua autoestima. Vai ocupar mais a cabeça pra despistar o coração.

E, somente agora, vai entender o que aconteceu e o porquê do fim, e o melhor, vai entender e aceitar o fim, claro que cada um com seu tempo e sua forma.

Não se culpe se esse processo estiver demorando, também faz parte.

Você vai entender e perceber que pode superar, mas nunca esquecer. Porque o amor nunca acaba, ele se transforma, se metamorfoseia em um momento bom, vivido.

E ai, você vai estar mais preparado, leve e pronto pra encontrar outro amor. E eu te desejo um amor recíproco e leve. Que possas realizar o desejo de casamento dos sonhos e de filhos correndo pela casa, mas se não for, paciência. Um dia teu amor chega. Eu te prometo.

De Recife, porém, do mundo. Libriano, meio aquariano. Ama o mar, amar e meditar. Apaixonado por suco de uva, sorrisos, meias coloridas e cheiros no cangote.
Adora finais, mas ama recomeços e voltas por cima. Escritor por vida e por decepções alheias. Tem um pé no chão e outro no budismo. Hey, finge que somos velhos amigos e vamos conversar um pouco.

Comments

comments

Talvez você goste de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *