Eu sei que esse fim de semana não foi bom pra você. A falta da pessoa que você ama tem de despedaçado por dentro, eu entendo. Olhar as fotos antigas ainda dói e sair pra balada não tem preenchido nenhum vazio. Você procura motivos pra entender o porque dela ter ido embora e se vê então como culpado. Revira seus pensamentos de trás pra frente e acha ali vários índices de que você é o vilão. Mas deixa eu te dizer, você não é.

Embora ela tenha dito que seria pra sempre, reflita que nem todo casal romântico terminou junto no final. Você já viveu seu luto, é importante. Mas é hora de trilhar seu caminho, só que dessa vez consigo mesmo – essa é a melhor companhia. Agora é hora de você se reinventar e se redescobrir. É hora de encontrar dentro de si valores que antes tinham sido perdidos por aí. É hora de entender que as pessoas partem – e vão partir – mas, todas elas deixam algo bom pra trás, mesmo que não pareça.
Aposto que essa pessoa despertou o seu melhor lado por algum momento, te ensinou amar e também a compartilhar. Te ensinou ser amigo, oferecer ajuda. Te ensinou ter paciência e compreensão. Você pode negar, mas ela não te deixou apenas dor. Daqui pra frente a pessoa que você irá se tornar é alguém mais experiente e decidido do que quer, tenho certeza.
Não olhe pra trás com rancor ou mágoa, olhe pra trás agradecido. Seja grato ao universo pelo tempo que passaram juntos, não culpe a pessoa por ter te deixado, ela teve seus motivos. E por favor, não culpe a si. Ninguém erra sozinho, lembre-se disso. As pessoas tem direito de irem embora e você não tem nenhum direito de impedir. Mesmo que não tenha prevalecido a honestidade entre vocês, pense que você fez o seu possível.
A vida te trará novas oportunidades e também novas experiências. Eu queria te dizer que essa foi a última vez, mas não posso. Mas posso te afirmar com todo a certeza dentro de mim, ISSO TUDO VAI PASSAR, mas por favor, junte todos os seus cacos e se refaça! A decisão é sua.

Eu sou aquela pessoa que veio pra te tocar com palavras, e dividir algum conhecimento que eu adquiri.
Eu fico louca quando alguém pega um texto meu e leva pra sua vida. É como se um pedaço de mim servisse para o outro. Todas as minhas experiências eu compartilho com amor.
No final das contas, minha intenção é saber se o que escrevi fez a diferença.
Possui a página Déborah Izy no Facebook, curta lá 🙂

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *