Você destruiu meu coração

Eu vi o momento que você se descuidou e deixou meu coração cair. A queda livre estava em câmera lenta e eu nada podia fazer, salvo pôr as mãos na cabeça e abrir a boca num ‘o’ – ato que também pareceu ser executado com lentidão. Se eu pudesse, me jogaria para tentar segurá-lo, mas […]

Continue Reading

Hoje eu me apaixonei de novo

Hoje pela manhã eu me apaixonei de novo e você nem viu. Sei que estava vestindo preguiça e me escondendo debaixo de uma montoeira de cobertores, mas meus olhinhos estavam vidrados na tua dança matinal. A tua rotina é bem metódica, sabia? Você vai num dois para lá, dois para cá desde que põe os […]

Continue Reading

Eu estou muito bem sem você

Ouvi você me chamar e quase não acreditei que era a sua voz que lambia meu nome. Um frio gostoso percorreu minha espinha e me virei apenas para confirmar o que as minhas entranhas já sabiam: era mesmo, mesminho, você. Vestido de tara, tesão e luxúria dentro de um blazer risca de giz, calças jeans levemente […]

Continue Reading

Agora só falta você

Engoli o grito que se alojou na garganta, empurrando-o de volta para dentro. Ardeu em meu estômago, refletindo-se em lágrimas poucas, que se acumularam no canto dos meus olhos. Obriguei-as a voltar para onde vieram, numa olhada rápida para as nuvens cinza que se acumulavam aos montes, recobrindo o teto em algodão sujo. Era claustrofóbico. […]

Continue Reading

Acordei me amando mais

Ontem acordei me amando mais. Amar-se é um processo cansativo e difícil, devo confessar. Temos uma ideia torta de que amor próprio é algo natural e involuntário, mas a verdade é o oposto disso. Somos nosso maiores vilões e piores críticos. Como faz para amar uma pessoa a quem se conhece todos os piores defeitos, […]

Continue Reading