Você não tem culpa por amar demais

Published on :

Imagine um copo tão cheio de água, mas tão cheio que ao segurar-lhe a água transborda e escorre por suas mãos, molhando-as e fazendo sua pele sentir o frescor do líquido. Assim é o coração dos que atrevem-se a exceder os sentimentos, preferindo além do todo, ser muito. Se você é um potencial amante excessivo, […]